Você sabe como o Google armazena conteúdo?

Quando é preciso encontrar algum conteúdo na internet, é comum abrirmos a página do Google para realizar uma busca. O site de buscas mais requisitado e renomado do mundo funciona por meio de um sistema de armazenamento de backups de motor, que é capaz de atender milhões de pesquisas feitas simultaneamente. É por isso que o espaço para acomodar novas páginas que surgem na internet deve crescer constantemente. Para se ter ideia, no total, esses processos consomem mais de 20 petabytes por dia.

Para o bom funcionamento da rede e a sua prospecção, a arquitetura de nuvens das grandes empresas separa os seus metadados – dados referentes a um conteúdo específico – a partir do conteúdo em si. Portanto, ao realizar uma busca de uma imagem, por exemplo, você primeiro acessa as informações sobre ela (dados) antes de acessar a foto. O objetivo desta técnica é reduzir o volume de conteúdo e facilitar os backups dos dados, visto que as atualizações devem ser feitas de maneira rápida e eficiente.

O sucesso e empenho para manter o bom funcionamento da rede é fruto do Google ter sido a primeira das grandes empresas a enfrentar o problema do crescimento da informação em larga escala.

Fonte

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s